Uma Diva

5/05/2018


E os portões que são abertos
Nas horas certas da vida
Estamparam-me um sorriso
A verdade entrou como uma diva

E das mãos do criador
Brotou uma semente
E me vi tão poderoso
Como nunca ultimamente

E eu, sonhador
Tive amor, de quem sente

E eu, vencedor
Dei amor, novamente

Pedrosill



0 comentários