Dona Devoção

8/29/2017
Ela pede enquanto você dorme
Seu poder não cobra nem recibo
Ela reza enquanto você corre
Não à toa você está vivo

Ela sabe que ninguém
Te deseja luz e livramento
Ergue os braços, diz amém
Busca força no seu firmamento

Com
Fé em Deus
Clama proteção
Para os seus
Quer felizes e sãos

Com
Fé em Deus
Clama piedade
Para os seus
Para além de toda eternidade

Forte,
Feito ponte do Norte
Ponto de renda
Feito fé na fazenda
Não é só de enfeitar

Forte
Feito golpe da sorte
Motor de moenda
Feito uma oferenda
Não é só de enfeitar

Ela chora quando você sofre
Alerta pra que não se arrependa
Ela ri quando um anjo socorre
Quando faz com que você aprenda

A ter
Fé em Deus
E traçar a sua direção
E ter
Fé em Deus
Em qualquer que seja a ocasião

Ela tem
Fé em Deus
Sem pensar em retribuição
Ela tem
Fé em Deus
O seu nome é Dona Devoção

Pedrosill

Vento

8/27/2017
Eu sou o vento
Você não pode ver
Eu sou vento
Você não pode ter
Eu sou vento
Você não pode ser

Eu sou vento
Movimento
Que ninguém vai deter

E eu estou
Prestes a levar a dor
No meu silêncio
Pronto pra trazer amor
Pelo pensamento
E soprar eu vou

Eu sou o vento
Violento
Cuidado com o que vai mexer

Eu sou o vento
Acalento
Cuidado com o que vai perder

Eu sou o vento
Movimento
Não desfaço o que posso fazer

E eu estou
Prestes a levar a dor
No meu silêncio
Pronto pra trazer amor
Pelo pensamento
E soprar eu vou

Pedrosill

Resistência

8/16/2017
Resistência:
Eu luto pela existência!

Persistência
Pelo direito de acordar
Pelo direito de lançar olhares
Pelo direito de alcançar lugares
Pelo direito de pensar
Pelo direito de pesar

Pelo direito à equivalência
Eu luto por sobrevivência
Insistência
Pelo direito de andar
Pelo direito de beijar altares
Pelo direito à ritos seculares
Pelo direito de buscar
Pelo direito de rezar

Pelo direito à benevolência
Eu clamo pela condolência
Exigência
Pelo direito de sonhar
Pelo direito de amar

Pelo direito à convalescência
Pelo direito à tomar consciência
Pelo direito a formar referências
Pelo direito à própria experiência

Resistência!

Pedrosill

Transforma

8/02/2017
Eu sou a pedra às vezes que chora...
E sempre reza!
Transforma o agora que opusera
Por que o amor é a glória que me devora
E a esperança é a criança que me venera!

Pedrosill