Busque um poema

17 janeiro 2017

Candieiro

Não se desmantela
Nem desespera
Nesse cativeiro

Transforma tua cela
Numa capela
Para o padroeiro

Acende a tua vela
Entrega em reza
Para o justiceiro

Converte a tua dor em candieiro

Confia enquanto espera
A luz se revela
Se o coração é verdadeiro

Pedrosill
Compartilhe esse poema: