Memória

12/15/2016

Quando eu me for
Se for me ver
Tente sentar
Queira rezar

Quando eu me for
Se for me ver
Tente aceitar
E gargalhar

Lembrar que a glória que fui
Continuarei sendo
É apenas o corpo morrendo
A memória só morre depois

Tente sorrir
Não vá chorar
E nem venha me santificar

Pois toda a escória que fui
Continuarei sendo
É apenas o corpo morrendo
A memória só morre depois

Me deixe ir
Vá caminhar
Não importa o que aconteça
Levante-se e erga a cabeça
Pois a vida vai continuar

E toda história que fui
Continuarei sendo
Você continua vivendo
E o que você tá escrevendo
Só morre depois

Pedrosill

0 comentários