Busque um poema

27 janeiro 2016

A Chance

Quem escreveu o amor
Se preocupou ao publicar
Pra que as diferentes nações
Mesmo com as traduções
Pudessem interpretar

Quem escreveu o amor
Se assustou ao perceber
Que mesmo com explicações
Nem todos os corações
São capazes de entender

Que o amor é livre
Que somente vive
Enquanto se pode escolher
Do contrário irá morrer

Que o amor é fruto
De cada minuto
Plantar pra que possa colher
Do contrário nunca irá nascer

Desistir, refutar
É mais complicado
O tempo machuca você

Se afligir, se irritar
Não é necessário
Se esforce e irá aprender
Deixe a chance te surpreender

Pedrosill
Compartilhe esse poema: