Fim do Blog, Pedrosill?

6/16/2014
Caros Leitores,

Após cinco anos no ar, com cerca de 320 poesias publicadas, decido fazer uma parada obrigatória para reformular este espaço que por tanto tempo foi uma porta aberta para meu coração e minha mente.

Juntos falamos sobre os mais variados sentimentos que um ser humano pode experimentar, confidenciamos sensações e experiências. Literalmente discutimos relações.

Em breve estaremos de volta com um novo visual, e certamente com novas surpresas!

E pra matar um pouco a saudade, relembro algumas imagens nossas que marcaram esse ciclo.
Algumas delas são registros do fotógrafo Gilson Vilela, feitos para ilustrar os poemas (os nossos famosos "Ensaios Fotográficos Temáticos"), já outros registros são pessoais feitos por mim e publicados por aqui e nas redes sociais.

Forte Abraço a todos! E até breve...

Foto: Pedrosill
Foto: Pedrosill
Foto: Pedrosill
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Emanuelle Souza
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Emanuelle Souza
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Emanuelle Souza
Foto: Gilson Vilela - Bastidores
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Myra Sarmento
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Myra Sarmento
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela - Bastidores
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Nando Araújo
Foto: Gilson Vilela - Bastidores
Foto: Pedrosill
Foto: Gilson Vilela - Divulgação do poema "Medo de Mim"
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Bruno de Aragão
Foto: Gilson Vilela - Bastidores
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Nando Araújo e Tanne Delly
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Nando Araújo e Tanne Delly
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro
Foto: Gilson Vilela

Foto: Gilson Vilela

Foto: Gilson Vilela - Modelo: Tamires Melo
Foto: Pedrosill
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela
Foto: Pedrosill
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro e Rogger Carvalho
Foto: Gilson Vilela - Bastidores
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro e Rogger Carvalho
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Izabelle Castro e Rogger Carvalho
Foto: Pedrosill
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Pedrosill
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela - Modelo: Myra Sarmento
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela
Foto: Gilson Vilela - Pedrosill para a capa o blog "Um Verso SENTE...MENTAL"


Pedrosill

Recadinho da Razão

5/16/2014
Caro escavador de corações,
Desculpe desapontá-lo, mas...
Você não encontrará nada com vida por aqui!
Os remanescentes se mudaram,
Prometendo não voltar...
Até que a vida os conceda ser humanos numa outra condição!

Assinado: A Razão!

Pedrosill

Percebeu?

5/13/2014
Só você não percebeu
Quem eu sou

Só você não percebeu
Que sou eu

Só você não percebeu
Que à espera aqui estou
Pra dizer que já sou teu

Talvez não como você sempre sonhou
Talvez não como também sempre sonhei
Eu que tanto desejei
Nunca achei que o amor
Estivesse onde nunca procurei

Só você não percebeu
Meu amor
Por quanto tempo me calei

Pedrosill

Esmola de Humanidade

5/13/2014
Eu vi dezenas de olhos famintos por carne
Eu vi centenas de carnes jogadas no lixo
Eu vi milhares de lixos cobrindo calçadas
Eu vi calçadas lotadas, crianças famintas

Por um pouco de dignidade
Pelo respeito, carinho e infância
Pela esmola de humanidade
Por um caminho com mais esperança

E tantos outros que choram milagres
Mas nem dão conta da própria fartura
Como é que vão achar felicidade?
Se a ingratidão só provoca amargura

Pedrosill

Vivos

4/10/2014
Vivos!
Ao passo que estamos, ficamos
E enquanto ficamos, curtimos
E enquanto curtimos, vivemos
E enquanto vivemos, deixamos
E enquanto deixamos, perdemos
E enquanto perdemos, choramos
E enquanto choramos, sentimos
E enquanto sentimos, mudamos
E enquanto mudamos, andamos
E enquanto andamos, estamos
Vivos!

Pedrosill

Melhor Que Os Demais? (Part II)

3/30/2014
De onde vem essa fome de ganhar dinheiro?
De onde vem essa sede de ser reconhecido?

Ser aplaudido não significa que a sua vida seja mais importante
A fortuna não evitará que sua alma qualquer dia fique impotente

De onde vem essa loucura de superioridade?
Pra onde vão os seus amigos nas dificuldades?

A ambição inebria a mente!

O que a gente quer da vida?
O que a vida quer da gente?
Não viva cada dia como um prepotente
Agindo cegamente como ignorante
Reveja seus conceitos o quanto antes
Morremos tão indigentes!

Pedrosill

Melhor Que Os Demais?

3/26/2014
Olhando de cima das coberturas
Dirigindo carros
Em roupas de marcas
Bebendo seletos destilados
Postando nas redes, fotos em paraísos naturais

Frequentando academias da alta sociedade
Apreciando raros pratos em restaurantes caros
Definindo amizades por colunas sociais

Competindo tecnologias, vence aquele que compra mais

Eu te pergunto:
Quem é você?
O que é você?
O que te faz pensar que é melhor que os demais?

Se diante da dor, todos nós somos iguais...
Se diante do amor, todos nós somos iguais...

Pedrosill

A Vida

3/18/2014
A vida é um laço apertado
A vida é um nó desatado
Um sorriso solto
Lágrima na chão
A vida é um sim e um não

A vida é um beijo e um escarro
Um sinal aberto e um sinal fechado
A vida é só eu, é a multidão
É simplicidade e complicação

A vida é presente é cobrança
A vida é adulto, a vida é criança
A vida é fartura é abstenção
A vida é a luz na escuridão

A vida é um acerto e um erro
É uma esperança
É um desespero
A vida é reduto
A vida é relento
A vida é minuto, segundo, momento

E eu que não sabia, não era tão forte
E eu que não sabia que era tão forte

Aprendi com a vida
Que a vida é missão
Aprendi com a vida
Que a vida é lição

Pedrosill

Axioma

2/26/2014
A poesia está em coma!
Como então ressuscitar?
Fale o mesmo idioma
Sem tentar impressionar

Faça do verso um axioma
Que não precisa se explicar
Pois pra sentir um bom aroma
Basta apenas respirar

A poesia está no ar!

Pedrosill

Pra Não Afundar

1/18/2014
Quando a maré me trouxer
Poderei conversar
Sobre as lágrimas que mergulhei
E o silêncio ao qual me agarrei pra não afundar

Pedrosill