Busque um poema

27 maio 2011

No Bar

É um copo
Um canto e uma cantada
E a presa encurralada caindo no encanto
Entre a dose e ressaca

É um trago
Um espaço e um avanço
A presa sonhando no abraço
Ali, entre o toque e o amasso.

E a mãe em casa esperando
Rezando pra não acontecer nada
Acordada pra ver a chegada
De quem ela pensa ainda ser anjo

Pedrosill
Compartilhe esse poema: