Vade Mecum

12/13/2009

Vêm
Me deixa vir também
Te quero perto
O jeito certo
É o jeito que só você tem

Vêm
Me deixa vir também
De peito aberto
Eu confesso
Quero ficar cada vez mais perto

Vêm
Vêm correndo me levar
Pro seu castelo encantado
Quero adormecer sobre seus braços

Vêm
Vêm de pressa, vêm bem devagar
Não há nada que impeça
Vêm por que meu bem a hora é essa!

Eu pronto
Descarrego um pouco do meu
No teu porto seguro
Segura minha mão!

Pronto!
Me deixo à seu gosto
Me encanto de um jeito
Que ninguém mais
Viu?

Recomecei de coração
Prontidão, estou aberto
Me sinto desperto
Quando mais perto de ti

Me sinto mais vivo
Quando perto te sinto
Recomecei!
E comecei a me sentir novamente feliz
Esse novo alguém pra mim chegou
E chegou quando eu mais quis!

Vêm
Correndo me seqüestrar
Correndo me escravizar
Correndo me resgatar
Correndo se apaixonar
Correndo me apaixonar
Correndo pra mim
Vêm pra cá
Vêm comigo!

Pedrosill

1 comentários

  1. O que dizer de um poeta promissor? Que com sua mente pensante e coração pulsante, retrata como maestria fulgores, amores, dores, amores...
    Poema tem sempre o toque mágico é o mundo visto de uma maneira peculiar ou além do peculiar.
    É com essa visão mágica que vive o poeta, pois eles enxergam além do que os olhos comuns vêem e PedroSill não seria diferente.

    ResponderExcluir