Opção

12/20/2009

É fácil dizer o que se tem que fazer
É certo que é difícil fazer

No ponto crucial
Da chamada decisão
A dúvida em questão
Ser lógico ou passional?

Se seguir o coração
Terei perdas ou ganhos?
E se ouvir a razão?
Deixarei de ser humano?

Entre ir se banhar no mar
Ou Trabalhar numa pressão
Estando aqui em meu lugar
Qual seria a sua opção?

Entre seguir ou deixar
Tudo pede uma ação
Entretanto decidir, optar
Exige determinação!

A cinza vem do corpo em chamas
A vitória é de quem quer domar o drama
Com a porta entre aberta
A escolha mais certa
É fugir pra outra festa
Ou ficar com o que resta?

Pedrosill

2 comentários

  1. Muito bom Pedrinho, eu amei, me emocionei e chorei, não apenas por conhecer um pouco da sua história, mas principalmente por vê o quanto você soube aproveitar as sementes que a vida te deu e transformá-las em excelentes frutos. Parabéns!!! Tenho orgulho de te conhecer, de ter sido sua aluna, ser hoje em dia sua amiga de trabalho e poder desfrutar todos os dias da sua compainha. Um grande abraço, viu?

    ResponderExcluir
  2. Do mesmo modo que fazemos nossas escolha elas acabam nos "fazendo" também. Já me disseram que as pessoas tem o poder de sintetizar felicidade quando fazem uma escolha e não possuem a opção de retroceder
    (dados científicos!, ou não...). Apesar dessa ser também uma opção, tento sempre lembrar que nada na vida é definitivo, até a morte [sentido pela fé de quem lê..hehe!].

    Falow!!!

    ResponderExcluir