Nada Vale A Pena Sem Me Amar

5/05/2009

Eu sempre quis amar alguém
Pra mim era você
Não foi!
(...Por falta de aviso?...)
Eu cai...

Eu,
Bem comigo
Mesmo!
Eu sem os mesmos medos
Eu de página virada
Sigo em paz com minha própria alma

Choro de felicidade
Oportunidade de firmar meus pés no chão
Rir por espontaneidade
Sem me preocupar em passar qualquer impressão
Vivo meus momentos
Tudo que me lembro é de aproveitar
Nessa louca intensidade
Nada vale a pena sem me amar

Eu aprendi
Graças a ti
Não me arrependi

Eu em minha nova estrada
Desenho o meu próprio mapa
Na mala, lições acumuladas.
Caminho sem nenhuma mágoa

Eu aprendi
Graças a ti
Eu acordei

A verdade estava exposta
Só agora eu consegui ver
Refiz minhas apostas
Com esperança de vencer
Viajando em minhas aspirações
Usando como combustível: emoções!
Lembrando de nunca esquecer
Que pra ganhar não posso me perder

Eu aprendi
Graças a mim que quis enxergar
Que nessa louca intensidade
Nada vale a pena sem me amar
(Eu aprendi)
Que nessa louca intensidade
Nada vale a pena sem me amar

1 comentários

  1. Lindo....

    Nossa profundo .. parece que sai de dentro da gente.

    Josiane

    ResponderExcluir