Mandado de Busca

5/11/2009

Nessa nova cidade
Desconheço metade de mim
Intenciono buscar
Procurar quem estiver a fim

E quem não quer me acompanhar
Que fique onde bem está
Quem não quiser me acompanhar
Que fique onde bem está

Nesse novo segundo
Me reacendo no escuro
Escolho um lado do muro
Dou um pulo pro mundo

E quem não quer me acompanhar
Que fique onde bem está
Quem está pra lá e ainda cá
Que fique onde menos se machucar

Nessas novas esquinas
Bebendo adrenalina
Cada beco uma estima
De viver minha sina

E quem não quer me acompanhar
Que fique onde bem está
Quem não quiser aproveitar
Que chore até o rosto inchar
Quem não quiser se aventurar
Que fique onde bem está

Se sou?
Não sei!
E se quiser ser?...
...Aquilo que por muito tentei esconder
Se já estou...
Eu vou ficar!
Até não ter mais ruas por onde andar
Até cansar de encontrar
Em cada canto da cidade
O meu melhor:
Que dizem ser felicidade!

E quem não quer me acompanhar
Que fique onde bem está
Quem não quiser aproveitar
Que chore até o rosto inchar
Quem não quiser se aventurar
Que fique onde bem está
Quem não quiser me acompanhar
Que fique onde menos se machucar

Pois segurei na luta
Com mandados de busca
Nessa vida tão curta!

Pedrosill

0 comentários