Compromisso

8/22/2019
Nossa Senhora
Dos olhos no povo
Que não falha em vigiar

Doce Senhora
Que beija meu rosto
Quando sinto o vento soprar

Santa Senhora
Eu te peço de novo
Venha me abençoar

Venha levar o que não for valer
Venha trazer o que for me curar

Venha mostrar
Também
Venha dizer
Venha me orientar

Sábia senhora
Das águas salgadas
Lágrimas que sabem descarregar

Nossa Senhora
Do manto divino
Só teu abraço pode acalentar

Grande Senhora
Humilde eu suplico
Venha me agraciar

Venha livrar
Também
Venha benzer
Venha me fortificar

Meu coração dedico
Nele há seu altar
Onde fiz esse ofício
Pra glorificar

Sinto levitar toda vez
Que paro pra rezar
Cumprindo compromisso

Pedrosill

O Trabalho

8/10/2019
O trabalho do povo
É uma missa celebrada
Pelo próprio Deus!


Guiado

4/09/2019
Na minha oração
Não cabe a hesitação
Da minha devoção
Não dou muita explicação
Na minha louvação
Não poupo a dedicação
Minha religião
É mais do que convicção

Me entrego em sentimento
Rezo para me valer
Na dúvida, humilde peço
Pra esclarecer
Quando em apuros rogo
Imploro pra me proteger
Mas o tamanho dessa fé
Ninguém consegue ver

Que é branca
a luz que me banca
Nas lutas, nas danças
Nas tantas horas de frio
Nos lugares mais sombrios
Eu vou
Guiado pelo sol da manhã crua
E na realidade dura 
Eu vou
Guiado pela luz mais pura de amor
Caminho, essa rua escura que eu sou
Andando pelo mundo penso: posso iluminar 

Meu mantra nunca cansa
Trança pra fortalecer
Meu anjo não descansa
Avança até combater
A minha voz se canta
Chama pra comparecer
Maldade não me alcança
Mesmo se ela correr

Pois é branca
a luz que me banca
Nas lutas, nas danças
Nas tantas horas de frio
Nos lugares mais sombrios
Eu vou
Guiado pelo sol da manhã crua
E na realidade dura 
Eu vou
Guiado pela luz mais pura de amor
Caminho, essa rua escura que eu sou
Andando pelo mundo penso: posso iluminar 

Creio no tempo
E no vento a me soprar
Nas santas águas
Que em lágrimas vêm lavar
Eu em meu templo
Sigo atento ao coração
Me fortaleço e
Não cedo à escuridão

Bebo inspiração
Frente ao seu altar
Como se uma onda de emoção
Viesse me levar
Deito no silêncio
Imenso templo de concentração
Me levanto bento
Nascimento de uma gratidão

Pedrosill

Ascendente

4/09/2019
Consciente
Um coração efervescente
Cansado dos seus acidentes
Decidi caminhar prudente

Aprendeu que um ser carente
Apenas pode ser cadente
Recorrer à entorpecentes
Se não cortar os precedentes

Ascendente, eu quero ficar
Vou trabalhar a fé latente
E não vou precisar de gente
Pra me impulsionar

Experiente
Um coração convalescente
Se vendo um sobrevivente
Decidi ser mais sorridente

Aprendeu que um ser contente
Acredita profundamente
No amor que o sagrado sente
Por seu filho benevolente

Ascendente, eu quero estar
Vou lapidar a fé na mente
E não vou precisar de gente
Pra me impulsionar

Pedrosill

Gigantes Abraços

1/14/2019
Pequenas lembranças
de grandes pessoas
Gigantes abraços!

Pedrosill

Suporte

1/14/2019
A você, um aporte
Me disponho à suporte
Gratidão, coisa forte
Por tua gentileza
Que nos revela norte
Carimba passaportes
Para as nossas proezas

Pedrosill

Vendedor de Esperança

1/06/2019
Enquanto resta
um fio de vida
Cabe sempre
um tom de festa
O presente
O tempo empresta
Pra você

Se a dor
é indigesta
Para ela
Não dê brechas
Alegria manifesta no poder
Que existe na vontade de viver

Deixe acordar sua criança
Permita a si mesmo renascer
Levante e compre a esperança
Que o futuro tem pra lhe vender

Pedrosill

Com-Versa

12/17/2018
O destino não teve pressa
Os caminhos trouxeram cá
Os amigos fizeram festa
Então cada dia é um comemorar

E os momentos que a gente versa
O amor faz questão de rimar
Desde então só por vias de regra
Não consigo não me apaixonar

Pedrosill

Só Isso Importa

11/30/2018
Sabe o futuro
Que nos espera?
Definitivamente
Até aqui nos trouxe!
Tão naturalmente
Verdadeiramente

Há quem dirá
Que após a meia noite
O nosso amor
Se desmanchará

Há quem dirá
E há quem já está dizendo

Que após o meio dia
A nossa alegria
Sumirá
Que a nossa euforia
Daqui a poucos dias
Dormirá

Mas deixa dizer
Quem bem quiser
Vamos viver, minha mulher
Porque eu te amo
Só isso importa

Deixem falar
Mal não fará
Quero você
Vamos amar
Por mais mil anos
Só isso importa

Pedrosill

Cavalo

11/25/2018
Levo comigo a missão
De nunca ser o que são
Trago comigo, amigos
Forças vindas do infinito

Os deixo vir, depois vão
Deixam com quem quer, lição
E ensinam a ser polidos
Por dentro jardins floridos

Eu estendo a mão
Pra quem eu não sei se é vão
Pra quem eu não sei se é bom
Pra quem eu não sei
Se vai rir ou chorar
Temer ou agradecer
Fortalecer ou desprezar

Colho sementes do chão
Planto em qualquer coração
Sejam banais ou especiais
Sejam falidos ou marechais

Os deixo ir, depois vêm
Quando precisam de alguém
Capaz de os acolher, escutar
Desobstruir, reorientar

Eu estendo a mão
Pra quem eu não sei se é vão
Pra quem eu não sei se é bom
Pra quem eu não sei
Se vai crer ou vai duvidar
Rejeitar ou entender
Despertar ou ignorar

Do porquê, eu só sei que é dom
Do porquê, eu só sei que é amor
Do porquê, eu só sei existir se me dedicar
A exercer o ascender
E o mensageiro transportar

Levo comigo a missão
De sempre ser um irmão

Pedrosill

Foto: Kirsten LaChance

Chance

11/25/2018
Nenhuma dor
Que se joga fora
Desaparece assim
Na hora

Todo tormento
Que se revelar
Pra dissipar
No vento
As vezes demora

Entre desesperar
E esperar
É preciso crer

Entre esperar
E desfrutar
É preciso crer

E viver, caminhar
Experimentar
Dar uma chance a você

Se você quer ter
O sabor do livramento
Ande, nunca pare o tempo
Oportunize a você

Pedrosill

Transito

10/04/2018
Transito entre
as emoções
Que me emprestam
Enquanto prestam

Quando não se prestam
Tomo uma fresca
Tomo o meu juízo de volta.
Tomo decisões!
Às vezes poucas explicações
A quem me importa

Pois se abro e fecho portas
O enredo desfecho
Às vezes implico
Mas nunca suplico
Às vezes eu deixo

Me deixo provar os sabores
Me deixo usar outras cores
Mas não finco
onde ficam
os horrores, os medos
Me permito viver os desejos
Que são
e os que não são
os mesmos

Pedrosill

Ascendi

9/24/2018
Acendi
Uma luz
Aprendi
Recompus

Acendi
Uma luz
Ascendi

Pedrosill


Apresse

9/24/2018
Te apresse
Pois quem  mais precisa
de prece
Tem pressa

E quem tem apreço
Tem prece e pede

Por quem adoece
Por quem entristece
Por quem enfraquece

Na prece
Quem se oferece
Também fortalece

Pedrosill


Reinvenção

9/24/2018
Há quem suporte
Contar só com sorte
Eu sempre forte
Tomo decisão

Quase um esporte
Defino meus nortes
Cicatrizo cortes
Sou reinvenção

O meu transporte
É meu pé no chão
E o passaporte
A intuição

Pedrosill


Na espreita

9/24/2018
O diabo,
na espreita,
espera!

Pela oportunidade
De causar fatalidade.
Como se já não bastasse
Tanta infelicidade!

Inicia desavenças,
Se articula na dormência
Da tal amabilidade.

Se alimenta da descrença,
Se aproveita da ausência
De fé da humanidade.

Pedrosill

Pedidos e Preces

9/24/2018
O perdido esquece:
Pedidos e preces
Tem que acontecer!

É o que fortalece
Quando mais se carece
Pedidos e preces
Pra receber

Perdido, se apresse
Pra merecer!

Pedrosill

A paixão do Ilusionista

9/24/2018
Mágicos despertam euforia
e fazem a alegria
aparecer de dentro de uma cartola.

Depois cortam
essa alegria ao meio,
fazem ela desaparecer
e ainda ficam à espera de aplausos.

Desaparecem com tudo
que conseguem tirar de nós:
sussurros, dinheiro,
sorrisos e sonhos.

Mágicos:
Se não fossem malditos,
poderiam ser divinos.

Dizem que para dar o próximo passo,
basta ter dado o último.
O último basta!

E foi assim que a platéia,
antes encantada com truques baratos, disse:

"BASTA! Chega de mágicos.
Já temos que conviver com a corda bamba
e o globo da morte,
o fogo cuspido para o alto,
o atirador de facas..."

Preferiram aquele nos faz sorrir
das coisas pequenas,
aquele com o nariz vermelho,
meio desajeitado, coração bondoso...
Que não se preocupa em estar na moda,
parecer bonito ou bem sucedido.
Aquele cujo prazer é nos fazer sorrir,
a toda hora,
nos amenizar os dramas.
Aquele cuja magia nunca termina em cinzas,
como a paixão pelo ilusionista.

Pedrosill

Chave

9/24/2018
Você tem a chave
Mas prefere guardar
Prefere aguardar

De viver tanto entrave
Consegue aguentar
Sem ensanguentar

Esperando que se depare
Com alguém que encare
Semear hectares

Alguém que te ampare
Que se equipare
Ao teu querer
Ao teu cuidar

E até lá
Vai guardando segredos
Por trás do teu medo
De nunca encontrar
E amar

Pedrosill


Samba de Preces

9/24/2018
Deus vai me valer
Isso eles vão ver
E não haverá
Mal a me vencer

Deus vai responder
Todas essas preces
Ele não me esquece
Vai me socorrer

Deus vai me valer
Depois vou contar
Como esperar
Faz fortalecer

Deus vai me fazer
Homem que engrandece
Frente a seus testes
Só cresce quem crê

Deus vai me valer
Do seu ensinar
Ao acreditar
Eu vou aprender

E eu não vou temer
Nem desesperar
Deus vai me valer
Me fortalecer
Deus vai me guiar

Pedrosill

Nasci no Mar

9/10/2018
Nasci no mar
Sob as ondas cristalinas
Ajudar é minha sina
Ninguém pode me afogar

Nasci no mar
Sob as bençãos da sereia
O amor é minha ceia
Ninguém pode me afundar

Pedrosill

Porta Aberta

8/07/2018
Entra
A porta tá aberta
Se atente a oferta
Que eu vou te cantar

Entra
A mesa tá posta
Vê se dá a resposta
Que eu quero escutar

Entra
O coração tá quente
Pra plantar a semente
E o amor germinar

Entra
A cama tá feita
E não faz a desfeita
De me ignorar

Entra
E preencha o vazio
Em você eu confio
Entra e vem me salvar

Pedrosill


As Pedras

8/07/2018
As pedras são muitas
Mas nunca iguais
Há pedras de açúcar
Há pedras de sais
Há pedras de pontes
Há pedras de montes
Há pedras de cais
Há pedras grandiosas
Há pedras preciosas
Há pedras banais
Há pedras inesquecíveis
Há pedras que são invencíveis
Há pedras fatais
Por dentro de um Pedro
Um pouco de todas
Quem sabe até mais
Há pedras afronte
Houveram atrás

Pedrosill


Conduta

7/04/2018
Por onde caminhar
Porquê de perdoar
Do que não se esquecer
Do que não se lembrar

Por onde começar
Porquê de esperar
Quando retroceder
E quando desbravar

Porquê de agradecer
Porquê de não cobrar
A força do dizer
O poder do calar

Porquê de não temer
De não subestimar
A força do querer
O poder no tentar

Foi na fé que encontrei
Minha bússola
Fui trilhar

Apontei
E comecei a busca
Até me encontrar

Encarei de frente
Minha luta
Pra melhorar

É preciso mudar a conduta
Pra se curar

Pedrosill


Dona Fé

5/14/2018
Dona das revelações
E explicações
E pontapés

Mãe de todas as visões
Conscientizações
É Dona Fé

Pra quem tem
Ela é
Pra quem quer
Ela vem

Santa das resoluções
E definições
Pra quem requer

Manda nas opiniões
E nas reflexões
De quem puder

Guia das transformações
E das evoluções
É Dona Fé

Pra quem tem
Ela é
Pra quem quer
Ela vem

E também
Pra quem não é
Ela vem
Fica até

Pedrosill


O Custo

5/14/2018
Nem sempre
Aquele que investe
Reverte pra si

Nem sempre
Aquele que guarda
Se resguarda no fim

Entre tantas transações
E orações
Destino somam-se

E entre decepções
E subtrações
Aprende-se

O verdadeiro custo do amor
É nenhum real de valor
O real valor da paixão
São os centavos de atenção

Às vezes quem perdeu, ganhou
As vezes quem ganhou, perdeu
E os juros dos juramentos
São o tormento
De quem viveu

Pedrosill


Uma Diva

5/05/2018

E os portões que são abertos
Nas horas certas da vida
Estamparam-me um sorriso
A verdade entrou como uma diva

E das mãos do criador
Brotou uma semente
E me vi tão poderoso
Como nunca ultimamente

E eu, sonhador
Tive amor, de quem sente

E eu, vencedor
Dei amor, novamente

Pedrosill



Aos Teus Quereres

1/29/2018
Salve-me
Dos meus medos
Deite-me
Em seus ombros
Ponha-me
Em seus sonhos
Cura-me
Com seus beijos

Lave-me
Em sua fonte
Seque-me
Em seus desejos
Guarde-me
Em teus segredos
Transponha-me
Por tuas pontes

Defina-me
Com seu verbete
Inclua-me
Em seus lembretes
Sacia-me
Com seu banquete
Nutra-me
No coração

Escreva-me
Na canção
Amor
Como eu entrego-me
Aos teus quereres
Aos teus poderes
Com louvor

Pedrosill

Pressentimento

11/29/2017
Ninguém olha
Lá dentro
Do sentimento
Quando ele aflora...

Só o pressentimento!

Que por estar de fora
Colabora
Com o seu julgamento

Um sábio movimento
Em boa hora
Desperta pensamentos

Checando fundamentos
Corrobora
Autoconhecimento

Pedrosill

Os Finais

11/21/2017
Ah beija-flor
Onde vais?
Tem mais sabor
No meu jardim
Fique aqui
Um pouco mais

Sabe, os finais são reais
E alguns são felizes
Poucos, existem
Com esse eu sonhei

Ah linda flor
Já não tens
O sabor que provei
E por isso
Eu cansei de esperar algo mais
Vou partir pros quintais
Lá não faltam jamais
O que faltou em ti

Sabe, os finais são reais
Mas alguns tem viés
Alguns são cruéis
E amargam demais

Pedrosill

Impávido Colosso

11/21/2017
Rezado torto
É reinado pouco

Cada semente
É só princípio do esforço

Você aguenta chumbo grosso?
O dia-a-dia
Bota a corda no pescoço

Dançar no fogo
Encantar o lobo

Implantar dente
Na serpente
É só esboço

Na vida vence
Só impávido colosso

E eu não vim pra perder pra ninguém

Não nasci
Pra roer osso

Pedrosill

Parteira

11/11/2017
É...
A tomada de consciência,
É a mãe das oportunidades!
E a mágica mão da espiritualidade,
A mais sábia e serena parteira!

Pedrosill

Água Corrente

11/08/2017
Não tenho fé de fogo ardente,
Prefiro de água corrente!
Que ninguém sabe onde é nascente
E que ninguém pode conter
Cresce continuamente,
Sem ter que abastecer!

Fé de fogueira
Cedo o fogo morre brasa
Quando chuvisca
Facilmente se apaga

Já fé de água
Temporal nenhum abala
Fortalece a correnteza
Ninguém sabe se acaba

Pedrosill

Ventania

11/06/2017
O vento me beija
Leva o que não presta
Cuida daquilo que resta
Traz tudo que me é bom

O vento me transporta
Da loucura à calmaria
Da tristeza pra alegria
Do medo à gratidão

E é com essa ventania
Que eu brinco e brigo todo dia
Com amor no coração

Pedrosill

As Regras

10/31/2017
Entre sem pagar
Mas fique sem quebrar
E saia sem bater a porta

Só quero aqui amor que se importa
Daqui pra frente
Só quem se comporta

Siga as regras pra me ter!

Pedrosill

Casar Comigo

10/27/2017
Segue teu caminho torto
Curta como quer o carnaval
Tenho amado meu pescoço
Vou esperar morte natural

Aqui
Você vai me enfartar
Assim
Eu não serei feliz
Então,
Se for pra eu morrer contigo
Eu prefiro casar comigo

Vou pegar a minha estrada
Pisar forte o acelerador
Tua rua esburacada
Fode o meu amortecedor

E aí
Você vai me lascar
Assim
Eu não serei feliz
Então,
Se for pra eu quebrar contigo
Eu prefiro casar comigo

Eu sei
Que não serei sozinho
Sei,
Que tenho meus amigos
Sei,
Eu posso ser o amor de alguém

Vá buscar outra morada
Eu consigo um outro comprador
Tenho até fila formada
Tem quem quer e sabe dar valor

Aqui
Você vai me depreciar
Assim,
Eu não serei feliz
Então,
Se for pra eu mofar contigo
Eu prefiro casar comigo

Pedrosill


Há Luz

10/20/2017
Há luz
Até nos lugares mais escuros
Até nos caminhos mais estreitos
Até nas pessoas mais difíceis
Até nos pesadelos mais intensos
Até no coração de quem não tem mais coração
Até na alma envenenada
Até no fundo de uma vida maltratada
Olhe com calma
E verás
Que há
A luz

Pedrosill

A Gente Passa!

10/10/2017
A gente passa!

A gente ama, e passa...
A gente trabalha, e passa...
A gente sente medo, sente raiva,
E tudo vai passando,
A medida que o tempo, os anos...

A gente cria problemas
As vezes os problemas nos criam, nos moldam
E num passe de mágica
A gente passa de série, passa de fase, passa de ano...
A gente passa a pensar mais, a calar mais,
A gente passa a sorrir, a sentir, a rezar, a agradecer...
A gente passa!

E passando esses últimos tempos sozinho
Percebi que a passagem é sem sombra de dúvida
O maior ato de altruísmo que a vida tem conosco.
Enquanto ela nos permite a passagem,
Ela nos apresenta ao novo,
E de novo, num passe de mágica,
A gente ama, trabalha, sente medo, sente raiva...

A gente passa,
Assim como a oportunidade de ficar junto,
De fazer a diferença na vida do outro,
De fazer valer cada segundo no esforço de tentar ser melhor
A gente passa,
A gente perdoa,
A gente aprende,
A gente se desprende
A gente esperança,
A gente alcança,
O portão, o portal,
O pedaço de céu que existe no chão,
No caminho de cada um

A gente passa...
E o que fica são apenas marcas,
De uma vida que nunca foi feita pra durar.

Pedrosill

Bom Sentimento

10/07/2017
Guarde as verdades!
Aguarde outra hora...
O que vale agora:
É dar-se atento!
Pois bom sentimento,
Quando se dá, sobra!
Amor evapora,
Quando demora por dentro!
Bote pra fora,
Que logo melhora...
Sempre é bom momento!

Pedrosill

O Percorrer

9/25/2017
Nunca ouvi falar
Que nas águas calmas
É que se aprende a navegar

Nunca quis viver
A me banhar nas águas rasas
Eu prefiro mesmo mergulhar
E ver

Do profundo
O meu mundo precisa ter
Do fecundo
Eu me inundo pra me conhecer
Sou o percorrer

Pedrosill

Opiniões Estúpidas

9/20/2017
As coisas que eu nunca vi
Caminhos que nunca trilhei
Histórias que nunca vivi
Ideias que nunca pensei

As dores que nunca senti
Problemas que nunca passei
Pessoas que não convivi
Comidas que nunca provei

Desconheço
Do começo
Ao fim
E do avesso

Conceitos
Não podem do nada nascer
Do seu bel-prazer
Sem experimentação

Conceitos
Não podem do nada brotar
E se disseminar
Ilusória conclusão

Como essas
Suas opiniões estúpidas
Típicas de mentes pútridas
Com tantas opções, a única:
Se embasar numa falsa noção

Como essas
Suas opiniões estúpidas
Virando emoções públicas
Não surgem de gente lúcida
Que pratica a pura compaixão

Da morte só pode falar quem morreu
Do amor só pode contar quem viveu
De tudo do mundo que vivo só eu
No fim só quem pode nos julgar é Deus
(Esqueceu?)

Pedrosill

Cavaleiro do Mar

9/17/2017
Força tamanha
Vem na maré
Vem nos dar fé
Purificar

Nos acompanha
De onde estiver
Um contrapé
A nos sustentar

Faz o que Deus lhe mandar
Ajuda no que puder
E quem souber lhe escutar
É pro que der e vier

Mora no meio das ondas
Quando quer vem visitar
Dele, não tem quem se esconda
É cavaleiro do mar

Vem nos valer
Nos abraçar
Vem lá do fundo do mar

Vem proteger
Nos ajudar
Vem lá do fundo do mar

Pedrosill

Medicinal

9/15/2017
Se a decepção é um punhal cravado nas costas
O silêncio é um experiente cirurgião!
A paciência, um poderoso sanativo
A fé, a cura pra qualquer infecção!

Pedrosill

Comentário

9/03/2017
Eu tenho amor de sobra
Não é amor de cobra
Eu não sou infeliz
E meu amor só dobra
Não é amor de sogra
E nem de meretriz

O meu amor tem falha
Assim como navalha
Que deixa cicatriz
E quando ele se espalha
Fica feito migalha
Fazendo insistir

O meu amor destroça
Quem só faz manobra
Pra me destruir

O meu amor se esforça
Pra agradar, desdobra
Ele é aprendiz

É quem provou, que diz!

Pedrosill

Dona Devoção

8/29/2017
Ela pede enquanto você dorme
Seu poder não cobra nem recibo
Ela reza enquanto você corre
Não à toa você está vivo

Ela sabe que ninguém
Te deseja luz e livramento
Ergue os braços, diz amém
Busca força no seu firmamento

Com
Fé em Deus
Clama proteção
Para os seus
Quer felizes e sãos

Com
Fé em Deus
Clama piedade
Para os seus
Para além de toda eternidade

Forte,
Feito ponte do Norte
Ponto de renda
Feito fé na fazenda
Não é só de enfeitar

Forte
Feito golpe da sorte
Motor de moenda
Feito uma oferenda
Não é só de enfeitar

Ela chora quando você sofre
Alerta pra que não se arrependa
Ela ri quando um anjo socorre
Quando faz com que você aprenda

A ter
Fé em Deus
E traçar a sua direção
E ter
Fé em Deus
Em qualquer que seja a ocasião

Ela tem
Fé em Deus
Sem pensar em retribuição
Ela tem
Fé em Deus
O seu nome é Dona Devoção

Pedrosill

Vento

8/27/2017
Eu sou o vento
Você não pode ver
Eu sou vento
Você não pode ter
Eu sou vento
Você não pode ser

Eu sou vento
Movimento
Que ninguém vai deter

E eu estou
Prestes a levar a dor
No meu silêncio
Pronto pra trazer amor
Pelo pensamento
E soprar eu vou

Eu sou o vento
Violento
Cuidado com o que vai mexer

Eu sou o vento
Acalento
Cuidado com o que vai perder

Eu sou o vento
Movimento
Não desfaço o que posso fazer

E eu estou
Prestes a levar a dor
No meu silêncio
Pronto pra trazer amor
Pelo pensamento
E soprar eu vou

Pedrosill

Resistência

8/16/2017
Resistência:
Eu luto pela existência!

Persistência
Pelo direito de acordar
Pelo direito de lançar olhares
Pelo direito de alcançar lugares
Pelo direito de pensar
Pelo direito de pesar

Pelo direito à equivalência
Eu luto por sobrevivência
Insistência
Pelo direito de andar
Pelo direito de beijar altares
Pelo direito à ritos seculares
Pelo direito de buscar
Pelo direito de rezar

Pelo direito à benevolência
Eu clamo pela condolência
Exigência
Pelo direito de sonhar
Pelo direito de amar

Pelo direito à convalescência
Pelo direito à tomar consciência
Pelo direito a formar referências
Pelo direito à própria experiência

Resistência!

Pedrosill

Transforma

8/02/2017
Eu sou a pedra às vezes que chora...
E sempre reza!
Transforma o agora que opusera
Por que o amor é a glória que me devora
E a esperança é a criança que me venera!

Pedrosill

Velinha Acesa

7/15/2017
Tá me ouvindo?
A morte chega, e leva...
Sem avisar, sem pedir licença...
Leva a sua vaidade.
Leva a sua beleza.
Leva a esperteza.
Leva o diploma.
Leva o emprego.
Leva o dinheiro.
Leva as oportunidades que você teria para amar
Amar mais..., amar melhor...
As oportunidades de amar mais pessoas, sem julgamento ou preconceito.
Leva nossa alegria, nosso sorriso... daqueles que tínhamos, lembra?
Leva o chão de quem fica e tenta entender o que não se entende...
A morte chega e leva tudo, meu irmão!
Deixa apenas a saudade.
Deixa a alma desnuda.
E percebe? Não dá tempo de se despedir.
Não dá tempo de se arrepender pelos erros.
Não dá tempo de dizer "eu te amo" pra ninguém.
Não dá mais!
Muda agora enquanto é tempo.
Vive uma vida mais entregue ao amor, ao momento.
Vive pra deixar um exemplo de ser humano incrível.
Vive pra deixar a marca de uma pessoa inesquecível.
Vive pra ser um bom pai, um bom filho, um bom esposo, um bom amigo, um bom vizinho...
Vive pra gente se orgulhar de ter te conhecido.
Pois a vida é uma velinha acesa, que a qualquer momento um sopro apaga.

Pedrosill

Fonte de Pobreza

7/01/2017
A verdadeira nobreza
Só se alcança na excelência da humildade!
Enquanto tudo o que tens é a ilusória vaidade
A tua mente se revela como fonte de pobreza!
Pedrosill